Ainda não se cadastrou na Apptite? Junte-se aos mais de 10.000 empreendedores que estão revolucionando o delivery. Sem taxas sufocantes ou custos fixos! Comece agora grátis!

Tempo on-line: como definir o seu horário de trabalho?

Chef Sergio Novoa
Chef Sergio Novoa

Já diria o ditado: tempo é dinheiro! Então, como administrar o seu tempo on-line da melhor forma para vender comida por delivery?

Ser o seu próprio patrão é o sonho de muitas pessoas. Afinal, esse modelo de trabalho permite que você trabalhe com o que realmente ama, faça tudo do seu jeito, administre os lucros do seu negócio e também defina o seu próprio horário de trabalho. Imagine, por exemplo, vender por delivery trabalhando da sua própria cozinha. Parece perfeito, né?

Mas não vamos esquecer que, ao empreender, você também se torna o seu próprio funcionário. Por isso, é importante estabelecer alguns métodos para conseguir obter sucesso no seu negócio. A disponibilidade dos seus pratos é uma das principais coisas que precisam estar alinhadas para que isso aconteça, afinal, quando observamos as características dos Chefs campeões de venda, percebemos que existe uma forte relação entre tempo on-line e faturamento.

Quer saber como criar suas regras de tempo on-line? Nós conversamos com alguns desses Chefs Apptite que já encontraram os melhores métodos para otimizar suas rotinas. Aliás, é importante comentar que, assim como em outros assuntos que envolvem o empreendedorismo, não existe uma fórmula do sucesso que funcione para todos os estabelecimentos. Por isso, no começo você pode precisar testar alguns métodos até descobrir qual faz mais sentido para o seu negócio. E isso não serve apenas para o horário de trabalho, viu?

Como eu descubro o melhor horário para ficar on-line no delivery?

O que pode te ajudar a guiar essa escolha é pensar sobre a janela de oportunidades que os seus pratos trazem. Como assim? Se a sua especialidade na cozinha são aqueles pratos que geralmente são consumidos no almoço, como PF, picadinho, strogonoff e feijoada, esse é um bom indicativo de que é essencial que você esteja disponível no horário de almoço do seu público alvo. Agora, se o seu cardápio é focado em pratos como burger e pizza, focar os seus esforços nos finais de semana e horários noturnos pode ser muito mais lucrativo.

Chef Sergio Novoa
Chef Sergio Novoa

Por esse e outros motivos, o mais importante é conhecer muito bem os seus consumidores. Se você conseguir pensar com a cabeça de um cliente, muitas das perguntas sobre administração do seu restaurante serão respondidas. Por exemplo, se você está localizado próximo a uma área comercial, com muitos escritórios e você quer atingir os funcionários dessas empresas para que eles peçam os seus pratos no almoço, busque entender quais são os horários que as pessoas costumam tirar para o almoço naquela região e esteja on-line no período. Por garantia, é melhor que você esteja on-line um pouco antes do horário, assim como o Chef Sérgio Novoa costuma fazer: “Fico com a cozinha on-line das 11:00 às 21:00, de segunda a sexta-feira, e tenho como meta 1 hora de antecedência e 1 hora depois de fechar para a organização da cozinha”.

Chef Célia Iusim
Chef Célia Iusim

Apesar dessa dica, é claro que quanto mais tempo os seus pratos estiverem disponíveis, maiores as chances de pedidos. Por isso, principalmente no início, quando ainda estiver descobrindo o comportamento padrão dos seus clientes, é importante ficar on-line o maior tempo possível, tanto com relação aos horários, quanto aos dias da semana, pois só assim você entenderá quais são os seus horários de pico. Siga o conselho da Chef Célia Iusim: “Nem sempre o resultado é o esperado, mas com certeza as oportunidades de venda são maiores.”

Além de observar o comportamento dos seus clientes, neste momento inicial também pode ser interessante observar os horários de funcionamento da concorrência, tanto para tomar como base, quanto para se tornar um diferencial e destacar os seus pratos quando não há muitas opções disponíveis! Olha só o que o Chef José Farias tem a dizer sobre isso: “Conseguimos pegar clientes de Chefs que de repente almoçam em horários diferentes. 15:00, por exemplo, que é um horário em que muitos Chefs fecham, ou até mesmo 11:10, antes do horário de maior movimento, estar on-line facilita a vida da pessoa que deseja se organizar”.

Chef José Farias
Chef José Farias

Também é muito importante estabelecer limites. Um ponto negativo de trabalhar da sua própria casa pode ser essa dificuldade de separar o trabalho da vida pessoal. Mas manter a organização é a chave para evitar armadilhas como essa!

Regras e exceções

Uma dica valiosa para não perder oportunidades de vendas e fidelizar o seu público é manter uma rotina nos seus horários. É importante que as pessoas consigam presumir o seu horário de funcionamento, assim como os dos restaurantes físicos. Imagine a frustração de um cliente que pediu o seu prato uma vez, gostou muito e deseja pedir novamente no dia seguinte, mas não te encontra on-line no horário desejado. Por isso, crie essa regra para a sua melhor organização e também para conseguir estabelecer aos clientes, o seu horário de funcionamento. E isso inclui a sua pausa.

Chef Felipe Oria
Chef Felipe Oria

Confira a dica do Chef Felipe Oria sobre o tema: “Não adianta dizer que vai ficar on-line e aí, umas 3 vezes na semana não abrir. É evidente que tem um dia ou outro que você terá que sair e fechar, mas o ideal é que coloque alguém no lugar.” Outro ponto trazido pelo Chef é que, com a experiência, você entende os dias e horários em que os seus pratos têm menor saída, e isso pode estar relacionado não apenas com o dia da semana. Até mesmo o clima influencia na quantidade de pedidos, de acordo com o tipo de alimento com que você trabalha. Com isso, fica mais fácil reservar os dias em que precisar marcar outros compromissos, ou até mesmo definir os seus dias de folga.

No painel Apptite, os Chefs têm total liberdade para configurar seus horários disponíveis, incluindo exceções e feriados, com apenas dois cliques: basta selecionar a data em que estará off-line e salvar a definição. No dia definido, seus pratos não aparecerão no cardápio da plataforma. E sabe o que é melhor? Nosso painel é integrado com as plataformas dos demais marketplaces! Ou seja, numa só configuração, você consegue definir os seus horários de funcionamento no Apptite, cardápio digital, Ifood e Uber Eats. É muita praticidade, né?

Tempo on-line e oportunidades de venda: uma forte relação

Chef Marília Gonçalves
Chef Marília Gonçalves

“Quem não é visto, não é lembrado”, diz o ditado popular. E essa é a principal regra para os restaurantes no delivery. Com a quantidade de opções disponíveis nas plataformas digitais, é muito importante estar disponível sempre que possível, pois sempre pode haver um cliente buscando justamente o que você tem a oferecer! A Chef Marília Gonçalves tem uma boa experiência no setor e recomenda: “Mais importante até do que ficar 100% ou 90% do tempo on-line é a previsibilidade. O cliente que compra de você, que tem uma fidelidade, gosta de entrar no app e te encontrar. (…) Se você tem uma rotina muito incerta, ou seja, um dia você fica on-line, no outro, off-line, você não cria uma constância e uma previsibilidade para o cliente te encontrar. E é fato que quanto mais você fica on-line, maiores são as possibilidades de fidelizar vários tipos de clientela. Se você ficar só durante o almoço, terá seu público do almoço, mas vai perder a oportunidade de fidelizar o público que compra de final de semana ou à noite. Então eu acho que é importante que se tenha um horário extenso. Eu procuro ficar on-line o tempo todo.”

Vamos recapitular rapidamente tudo o que aprendemos com a experiência dos Chefs Apptite?

As 10 principais dicas para aumentar as chances de vendas através do tempo on-line:

  • Entenda a sua janela de oportunidade, observando dias e horários de maior movimento, influência do clima no volume de vendas, localização do seu restaurante e público alvo;
  • Tente entender como funciona a mente dos seus clientes e concorrentes;
  • Tenha constância nos dias e horários de funcionamento;
  • Coloque uma meta de antecedência de 1h antes de abrir e 1h após o fechamento, para se organizar na cozinha;
  • Quando você se disponibilizar a ficar on-line, procure não falhar nessa promessa. Se necessário (e possível), peça para alguém te substituir quando não puder cumprir com seu horário;
  • Pense fora da caixa: além dos dias e horários óbvios em que recebe mais pedidos, que tal ser uma das únicas opções em momentos diferentes? Isso aumenta sua visibilidade;
  • Defina seus dias de folga e compromissos externos para os dias de menor movimento;
  • Deixe tudo organizado para gastar o menor tempo possível no preparo das encomendas;
  • Quem não é visto, não é lembrado – lembre-se disso! Fique on-line sempre que possível;
  • Conte com o painel do Chef Apptite para integrar suas informações e simplificar a administração do seu restaurante!

Depois de conferir todas essas dicas de quem está mandando muito bem no delivery há um bom tempo, ficou mais fácil definir o seu tempo on-line no app, né? Conta pra gente aqui nos comentários se você já tem um método próprio para definir seu horário de funcionamento. E para não perder nada do que acontece na nossa comunidade, não deixe de acompanhar as redes sociais da Apptite: Facebook | Instagram | LinkedIn.